Seguidores

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011


Eu sou o pecado...
Que passeia no seus pensamentos,
e apareço como uma tara louca na sua mente...
Sou o olhar pervertido, nos cantos dos seus olhos,
ao ver uma presa toda saliente a passar...
Sou desejo a salivar sem parar,
e a se banhar na doce saliva,
do ceú da sua boca louca a minha procura...
Sou o sabor galopando na sua língua selvagem em êxtase,
desejando os seus beijos molhados nos meus...
Sou a pele toda arrepiada de prazer,
e com vontade de lhe acolher e te conhecer...
Sou a mão ousada e suada de ansiedade,
e vontade de percorrer a sua anatomia...
Eu sou o pecado em estado febril,
quase explodindo, feito pólvora num barril...
Sou o pecado a procurar,
de alguém pecante, que queira,
uma aventura picante e amar,
sem a intenção de se amarrar,
só sentir o simples prazer em pecar...
Eu sou o pecado desejado,
muita vezes fico contido e amarrado,
bem preso, dentro de uma mente...
Sou o pecado preste a sair e amar,
sem se importar com o amor...
Eu sou o pecado, pronto pra pecar...


Ernane Rezende rabiscador de poesias

Um comentário:

  1. Belo texto, passando para desejar um lindo e feliz ano novo bjus tere.

    ResponderExcluir